• Aldomar de Castro

Pascoa

P A S C O A

Conceitos de tradição existem diversos, depende do entendimento e da extensão que cada autor pretende conotar, nós conceituamos tradição como nos oportuniza etimologicamente o vernáculo. “traditio, de tradere”. dar em mãos, entregar, passar a outro. Em sentido amplo, tradição revela tudo o que se passa, ou se transmite através do tempo e do espaço. É a transmissão, ou passagem de fatos ou de coisas boas de pessoa a pessoa. No linguajar popular é a transmissão de fatos de geração a geração, a fim de que os tenham presentes e os conserve. Em regra a tradição importa na transmissão de fatos ou revelação das coisas pele memória, traduzindo assim o etimológico sentido: “tradere”- Dar em mãos, transmitir oralmente costumes, doutrinas, acontecimentos através dos tempos, de pessoa para pessoa ou de pai para filho. Este estatuto domina as pessoas. Com tamanha influência, que sobremaneira lhes permite o questionamento do fato informado. Senão vejamos: A páscoa. Não a Páscoa ressurreição de Jesus Cristo, mas a Páscoa ovo e coelho. A Páscoa no calendário católico, é a festa que comemoramos a Ressurreição de Jesus Cristo, três dias após sua morte. E a Páscoa, ovo e coelho, que significado terá? Os teólogos (homens que estudam a doutrina da religião cristã) , explicam que a comemoração da Páscoa, com ovos e coelhos, teve origem há muitos anos. Em uma parte do mundo a Páscoa é comemorada no início da Primavera, e como o coelho é um dos primeiros animais a sair da toca depois do rigoroso inverno, traz o significado de que a vida continua., apesar da rigorosa desolação causada pelo frio. O aparecimento do coelho ( do mesmo modo que a ressurreição de Cristo), marca o início de uma nova vida. Quando os coelhos saem de suas tocas, na primavera, trazem consigo uma porção de filhotinhos, reforçando ainda mais a idéia de que apesar da tentativa do inverno de destruir toda a espécie de vida, o coelho sobrevive e trouxe mais vida sobre a terra. Apesar da tentativa de destruição do Cristianismo (crucificação de Jesus Cristo) a ressurreição de Cristo marcou uma nova era, cheia de pujança e glória. Mas. . . qual o significado do ovo? – Há muito e muito tempo, costumava-se comemorar a ressurreição de Cristo, dando-se presentes uns aos outros. Porém, na Alemanha, numa região próxima a Floresta Negra, estava acontecendo algo desolador. A Alemanha estava em guerra e após o inverno ( a época da Páscoa) não havia quase nada, nessa região. E, as crianças não podiam passar pela decepção de nada ganhar, pois era costume receber alguma coisa. Então, surgiu uma idéia para resolver o problema. Haviam ovos de galinha. Resolveram pintá-los com cores bem vivas e colocá-los juntos às árvores da Floresta Negra. Na manhã de Páscoa, as crianças da aldeia queriam saber onde estavam os presentes. Os adultos mandavam que os procurassem na Floresta Negra. Foram para a floresta, todas as crianças da aldeia. Quando lá chegaram, qual foi a surpresa: junto à árvores, estavam grande quantia de ovos coloridos. As crianças quiseram saber quem os trouxera. A resposta veio pronta e rapidamente: – Os coelhos. Essa é a origem da comemoração da Páscoa com coelhos e ovos. A tradicional festa de Domingo de Páscoa, é no seio da família, uma expressão de júbilo, pelo grande acontecimento de caráter religiosos. A distribuição de ovos é apenas mais um elo da cadeia de comemorações que trazem a força da TRADIÇÃO. As comemorações das grandes datas propiciam um encontro do indivíduo consigo mesmo, com o seu credo, com a sua família, enfim, com todos aqueles que lhe são caros.

CRESCENTE DE MARÇO DE 2005.

CALTARS – “TO”

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

REFLEXÃO

O mundo é um complexo de seres, Que um sempre depende de outro. Ninguém consegue viver neutro, Para desenvolver seus afazeres. Há relacionamento entre poderes, Que forma uma fiel dependência. Longínqu

PIXURUM

P I X U R U M Tenho setenta e nove  anos de idade, sou filho de pequeno agricultor nascido e criado no município de Sobradinho, assentado na região centro-serra do Estado do Rio Grande do Sul, até os

CAPA RURAL

O PONCHO USADO NO PAMPA, DE COR AZUL OU CINZENTA. COM BAETA RETOVADA, NESTE ESTILO SE ESTAMPA. CIRCULAR COMO UMA TAMPA, COM  UMA ABERTURA CENTRO. O USUÁRIO FICA POR DENTRO, COM MOVIMENTO RESTRIT